DecoraçãoDecoração SustentávelSustentabilidade

9 dicas para tornar a decoração do lar sustentável

Saiba como a decoração sustentável une beleza e propósito de forma harmoniosa.

A sustentabilidade na decoração pode ser uma forma de expressar nossos valores mais profundos. É um universo encantador, onde cada detalhe é pensado com carinho e respeito pelo meio ambiente.

Antes de tudo, é essencial compreender que a sustentabilidade na decoração é uma abordagem que vai além da estética.

À primeira vista, pode parecer que escolher móveis e objetos é apenas uma questão de estilo, mas acredite, é muito mais do que isso. Sobretudo, é criar espaços que nos acolham, que nos inspirem e que também cuidem do nosso planeta.

É importante entender que ser sustentável na decoração vai além de escolher materiais reciclados ou eco-friendly. Envolve repensar a forma como utilizamos os recursos disponíveis, dando uma nova vida a objetos que poderiam ser descartados. E acredite, isso pode ser feito com muito amor e criatividade!

Por exemplo, aquela poltrona antiga que estava esquecida no canto da sala pode se tornar o ponto focal de um ambiente aconchegante, bastando apenas um pouco de tinta e alguns tecidos coloridos.

E o que dizer daquelas garrafas de vidro que iriam para o lixo? Com um toque de criatividade, elas se transformam em belos vasos para as plantas que tanto amamos.

Além disso, ao optar por móveis feitos de madeira de reflorestamento ou por objetos produzidos por artesãos locais, estamos valorizando não apenas a natureza, mas também o trabalho manual e a cultura da nossa região. E isso, sem dúvida, faz toda a diferença.

Decoração Sustentável - Foto KatarzynaBialasiewicz - Divulgação Canva
Decoração Sustentável – Foto KatarzynaBialasiewicz – Divulgação Canva

A Soul ESGS dá 9 dicas para deixar seu lar sustentável:

1 – Reutilize móveis: dê nova vida a móveis antigos através de reformas e reestofamento.

2 – Upcycling criativo: transforme materiais descartados em novos objetos de decoração com criatividade e habilidade manual.

3 – Eco materiais: opte por materiais sustentáveis como bambu, cortiça e algodão orgânico.

4 – Verde interno: adicione plantas de interior para melhorar a qualidade do ar e, consequentemente, trazer vida ao ambiente.

5 – Segunda mão ou “second hand”: procure por produtos de segunda mão em brechós, por exemplo. Você vai se surpreender com a quantidade de peças lindas e de qualidade que você poderá encontrar.

6 – Decoração local: prefira produtos fabricados localmente para reduzir a pegada de carbono associada ao transporte.

7 – Artesanato local: apoie artesãos locais ao comprar peças únicas e feitas à mão.

8 – Consciência em casa: mantenha-se informado sobre práticas sustentáveis e aplique-as em sua rotina doméstica.

9 – Manutenção sustentável: cuide dos seus móveis e objetos decorativos de forma a prolongar sua vida útil e evitar descartes prematuros.

Então, ser sustentável na decoração não significa abrir mão do estilo ou da personalidade. Muito pelo contrário! É justamente nas escolhas afetivas que encontramos o verdadeiro encanto dos nossos lares. Seja através de peças vintage que contam histórias, ou de objetos artesanais que trazem consigo o amor e a dedicação de quem os fez.

Em síntese, a sustentabilidade na decoração é um convite para repensarmos nossos hábitos e nos reconectarmos com o que é realmente importante. Acima de tudo, é cuidar do nosso lar com amor e respeito, sabendo que cada escolha que fazemos impacta não apenas o ambiente ao nosso redor, mas também as gerações futuras.

Portanto, que possamos decorar nossas casas com consciência e afeto, criando espaços que não apenas nos acolham, mas que também inspirem outros a fazerem o mesmo. No final das contas, o que realmente importa é o amor que colocamos em cada cantinho do nosso lar.

Fonte: Soul ESGS
Consultoria em ESG e Sustentabilidade
E-mail: contato@soulesgs.com

Mostrar mais

vilaamelie.com

Curadoria de Encantos: Decoração I Arquitetura I Sustentabilidade I Festas I Gastronomia I Destinos

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo